Rio de Janeiro

Cufa vai lançar um cartão pré-pago especialmente para moradores de favelas

154

 

Rio de Janeiro -  A Central Única das Favelas (Cufa) lança o CUFA Card. O objetivo do cartão é facilitar a vida de empreendedores e consumidores das favelas e periferias, através de uma série de benefícios financeiros, e desta forma movimentar a economia desses territórios. Na foto os embaixadores oficiais do novo cartão: Dudu Nobre, MV Bill, Ronan Oliveira e  Nega Gizza (Tânia Rêgo/Agência Brasil)
Rio de Janeiro – A Central Única das Favelas (Cufa) lança o CUFA Card. O objetivo do cartão é facilitar a vida de empreendedores e consumidores das favelas e periferias, através de uma série de benefícios financeiros, e desta forma movimentar a economia desses territórios. Na foto os embaixadores oficiais do novo cartão: Dudu Nobre, MV Bill, Ronan Oliveira e Nega Gizza (Tânia Rêgo/Agência Brasil)

 

 

 

Será lançado em julho o Cufa Card, um cartão pré-pago especialmente criado para moradores de favelas.
“Passa a ser uma moeda local, mas que é aceita em todos os lugares do asfalto também, já que o cartão terá a bandeira Mastercard”, explica o ativista e empreendedor social Celso Athayde.
De acordo com o fundador da Central Única de Favelas (Cufa), os estabelecimentos de 70 favelas já começaram a ser cadastrados e vão oferecer descontos de 5% a 30% para os clientes do cartão, que não precisam ter ou abrir uma conta em um banco.
O Cufa Card poderá ser usado para saques em caixas eletrônicos, compras, transferências e recarga de celular.
“O cartão vai virar um motivo de orgulho e identidade, como é a Taça das Favelas hoje em dia, já que são 95 mil jovens que participam, todos moradores de favela.”
O cadastro para a emissão do Cufa Card será realizado por meio de um aplicativo, sem que seja feita a consulta a órgãos de proteção ao crédito como SPC ou Serasa.
“Os pais podem dar cartões aos filhos, e o crédito de um cartão para outro pode ser transferido rapidamente pelo aplicativo, sem cobrança e em qualquer lugar.”
As recargas poderão ser feitas nos estabelecimentos parceiros, pelo aplicativo que será lançado e pelo site.
A expectativa é que, ainda neste ano, os moradores de favelas de outros estados também possam solicitar a adesão.
“O Rio é só o início. A ideia é que pessoas de todo o país possam se inscrever pelo site para pedir o Cufa Card.”