Empresa de ônibus assume companhia aérea

Passaredo, que atuou na região de Franca, transfere suas ações para o Grupo Itapemirim

203

 

passaredoA Passaredo Linhas Aéreas anunciou ter transferido ações que representam o controle de seu capital para Sidnei Piva e Camila Valdívia, do Grupo Itapemirim. Com a mudança, o novo controlador busca crescer no transporte de passageiros e também de cargas, devendo incorporar mais 20 aeronaves à frota até o final de 2018.
Se isso ocorrer, segundo a assessoria do grupo, serão 80 destinos aéreos no interior do país. E a integração entre as malhas aérea e terrestre atingirá cerca de 2.500 cidades do Brasil.
A Itapermirim é um conglomerado de empresas de transporte rodoviário de cargas e passageiros, contando hoje com 1.200 ônibus. A empresa atua com abrangência nacional.

A estratégia de negócio com a Passaredo será realizar a integração intermodal entre as empresas, aperfeiçoando o atendimento a mercados regionais de pequeno e médio porte com ligações aos grandes centros, popularizando o acesso do transporte aéreo ao interior do Brasil, como ocorreu com a história da Itapemirim.

Para tanto, o grupo, que objetiva crescer não só no transporte de passageiros mas também em cargas. Segundo Sidnei Piva, o ponto decisivo para assumir o controle acionário da Passaredo Linhas Aéreas foi a qualidade técnica e operacional da companhia.

O novo controlador quer investir para o crescimento sustentável do negócio, para que, gerando receita, a própria empresa possa liquidar seu passivo. “A Passaredo está pronta para receber investimentos e crescer. A própria operação gerará resultado para a liquidação das obrigações do passado.”, explica Piva.