Ceia de Natal movimenta restaurantes em Franca

Em busca de praticidade e preço acessível, francanos trocam a tradicional refeição por opções fora de casa

307

restaurantes

A tradicional ceia de Natal, que antes era realizada em casa, está ganhando uma nova cara em Franca. De uns anos para cá, os francanos estão buscando praticidade, facilidade e preço acessível tanto para o ceia do dia 24, quanto para o almoço tradicionalmente feito no dia 25.

A aposta dos restaurantes em oferecer a ceia de Natal aos munícipes é uma forma de trazer mais uma oportunidade para quem não quer perder tempo na cozinha, além dos estabelecimentos poder aproveitar as datas e dar a volta por cima na crise.

De acordo com Odair Sartori, sócio proprietário do restaurante Nonno Grill, o estabelecimento oferece essa opção há alguns anos, tanto para o dia 24 quanto para o dia 25 e até ontem 70% das mesas já estavam reservadas para a ceia.

“Hoje em dia as pessoas buscam facilidade. Ninguém quer elaborar um jantar e depois ter louça para lavar, ter que ficar na cozinha preparando pratos. As pessoas querem algo pronto. Sem contar o preço. Jantar e almoçar fora está mais barato”, disse Odair.

Em Franca, os preços irão variar entre R$ 60 e R$100 e as opções são desde restaurantes com pratos e pista self-service, até rodízio de carnes nobres e massas. O valor é um dos principais motivos pelo qual as famílias estão buscando fazer a ceia de Natal fora de casa.

Rita Marianno é comerciante e já combinou com toda a sua família de fazer a ceia de Natal em um restaurante. Segunda ela, todos os anos jantavam na casa de sua vó, da forma mais tradicional possível, porém, com o aumento dos alimentos comuns na mesa do Natal, este ano vão fazer diferente.

“Durante anos nos reunimos na casa da minha avó, fazemos uma oração e ceiamos. Este ano iremos na missa de Natal e depois partiremos para o restaurante. Cerca de 20 pessoas da minha família estarão presentes e foi um acordo entre todos nos reunir fora. Fizemos a conta e, se fôssemos fazer um jantar completo em casa ficaria no mínimo R$ 85 por pessoa. No restaurante iremos pagar no máximo R$ 70 e sem ter o trabalho do preparar e organizar tudo”, disse Rita.